Representantes de Agrolândia participam de reunião da FCDL/SC

Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas promoveu encontro com representantes do Alto Vale em Rio do Sul

Assuntos como a duplicação da BR-470, a falta de efetivo de bombeiros voluntários e o Projeto Bem-Te-Vi fizeram parte de uma reunião promovida pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina (FCDL/SC), em Rio do Sul. Além do secretário de Desenvolvimento Empresarial, Turismo e Meio Ambiente de Agrolândia, Marcos Scheller, e do presidente da CDL do município, Mário Piske, participaram do encontro dirigentes da federação e das câmaras da região, bem como representantes do poder público.

Em relação à situação da BR-470, a conclusão foi de que será necessário unir esforços em torno de uma mobilização que realmente chame a atenção do poder público para o problema. “Queremos fazer uma grande frente, com comerciantes, empresários, vereadores e autoridades políticas, para que isso ganhe prioridade”, conta Scheller.

De acordo com o secretário, muitas empresas desistem de se instalar em municípios como Agrolândia, quando percebem que o acesso não conta com infraestrutura viária. “A logística hoje é um grande problema para o escoamento de produção”, aponta Scheller. “Agrolândia, por exemplo, tem empresas que fabricam grandes máquinas e enfrentam problemas de mobilidade”.

Outro assunto debatido foi a importância da atuação de bombeiros voluntários e as dificuldades com efetivo e auxílio financeiro. Também houve o apontamento de demandas relacionadas à saúde pública e à realização de feiras itinerantes. Representantes do poder público, como o secretário executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Rio do Sul, Ítalo Goral, integraram a reunião e se comprometeram em avaliar todos os pedidos.

 

Assessoria